quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Tempo

| |

Não apresses a chuva,
Ela tem seu tempo de cair e saciar a sede da terra.
Não apresse o pôr do sol,
Ele tem seu tempo de anunciar o anoitecer até seu último raio de luz.
Não apresse tua alegria,
Ela tem seu tempo para aprender com a tua tristeza,
Não apresses teu silêncio,
ele tem seu tempo de paz após o barulho cessar,
Não apresses teu amor,ele tem seu tempo de semear mesmo nos solos mais áridos do teu coração,
Não apresses tua raiva,
Ela tem seu tempo para diluir-se nas águas mansas da tua consciência,
Não apresses o outro,
Pois Ele tem seu tempo para florescer aos olhos do criador,
Não apresses a ti mesmo,
Pois precisa de tempo para sentir tua própria evolução.

Um comentário:

  1. É verdade Simone!

    Por isso só o paciente merece receber o que espera, se não nunca desenvolverá o fruto do Espírito.

    Parabéns,
    Um Cheiro (:
    Deus abençoe!

    Pra. Jeane Mendonça

    http://pastorajeane.blogspot.com

    ResponderExcluir

Fiquei muito feliz em receber sua visita :)
Volte mais vezes ah! e não esqueça de deixar o link do seu blog .
Pois só assim poderei ter a honra de conhecer seu cantinho e retribuir a sua gentileza .Obrigado ...Desejando um lindo dia pra você .

Volte sempre!

Inscreva-se